Saúde
12/12/2019 - 07h50

Obra de UPA em Santos atinge 90% dos serviços executados


A construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Zona Leste atingiu 90% do previsto e segue agora com serviços de acabamento como colocação de forro, infraestrutura de ar condicionado, pintura e revestimentos internos. O novo equipamento, que vai concluir a remodelação da rede de urgência e emergência da Cidade, será inaugurado no primeiro quadrimestre de 2020.
 
“Essa vai ser a maior UPA da nossa Cidade, com uma infraestrutura bastante adequada e ampliação em relação ao antigo Pronto Socorro, além de estar dentro dos protocolos do Ministério da Saúde para ter a colaboração do governo federal no custeio da unidade”, explica o secretário de Saúde, Fábio Ferraz, que esteve em vistoria à obra nesta quarta (11), citando que, depois de qualificada e habilitada, a unidade poderá receber repasse federal de até R$ 500 mil/mês. O custo total para a sua manutenção é de R$1,7 milhão/mês.
 
No dia 18 de novembro, a Prefeitura de Santos lançou o chamamento público para seleção da organização social (OS) que fará a gestão compartilhada do serviço com a Secretaria de Saúde, nos mesmos moldes das UPAs Central e Noroeste e do Complexo Hospitalar dos Estivadores. A abertura dos envelopes de propostas das entidades concorrentes será no dia 13 de janeiro.
 
A nova UPA foi erguida no mesmo terreno do antigo PS (Praça Visconde de Ouro Preto s/n°) e será três vezes maior do que a unidade anterior, com 3 mil m², e funcionará todos os dias (24 horas). A construção pela Prefeitura de Santos conta com investimentos de R$ 8,8 milhões, sendo R$ 4 milhões do Ministério da Saúde e o restante do Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigatórias e Compensatórias (TRIMMC) com a empresa AGEO.
 
ATENDIMENTOS
 
Também terá R$ 1,1 milhão de recursos para equipagem, destinados pela Agem (Agência Metropolitana da Baixada Santista). A unidade realizará por mês 2.700 procedimentos ambulatoriais, 12 mil exames diagnósticos e 15 mil atendimentos de consultas médicas – o dobro do número de consultas realizadas pelo PS no ano passado (7.620 consultas). 
 
Contará com 30 leitos, sendo quatro de emergência e dois de observação pediátrica; cinco consultórios, sendo três de clínica geral, ortopedia e pediatria; salas de raio-X e emergência, área para desembarque de ambulância, sala do SAMU, entre outros espaços.
 
 
Da Redação
 

Comentários (0)


Fala Santos
E-mail: contato@falasantos.com.br
© 2010 Fala Santos. Todos os direitos reservados. site criado por