Educação
24/07/2020 - 08h42

Aluno de escola municipal de Santos vence concurso estadual sobre reciclagem




Henrique Silva Ferreira, 10 anos, aluno do 5º ano B da escola municipal João Papa Sobrinho, foi o vencedor do concurso ‘O que vira lixo na sua casa?’, que envolveu 235 estudantes de oito municípios do Estado.
 
O trabalho dele consistiu em observar os resíduos descartados em casa, separá-los e quantificá-los, produzindo um relatório fotográfico e uma redação.
 
“Com essa atividade, aprendi que é muito importante separar o lixo e que o óleo de cozinha pode provocar entupimento dos canos aqui de casa, além de poluir o meio ambiente”, disse Henrique.
 
A cerimônia de entrega da premiação, um tablet, aconteceu na manhã desta quarta-feira (22), com a presença do secretário municipal de Meio Ambiente, Marcio Gonçalves Paulo e Daniela Taborda Prado Moran, representando a Secretaria Municipal de Educação.
 
A iniciativa faz parte das ações de educação ambiental do Programa Meio Ambiente nas Escolas (PMANE), responsável por implantar a Logística Reversa do óleo de cozinha, que em Santos é feita em parceria com as pastas do Meio Ambiente e Educação.
 
Programa oferece pontos de coleta de óleo e ações educativas
 
Em Santos, o PMANE teve início em outubro de 2019, com a instalação de pontos de coleta de óleo de cozinha usado e ações de educação ambiental. O óleo recolhido é repassado às indústrias para diversas utilizações como, por exemplo, a produção do biodiesel.
 
Além da Papa Sobrinho, outras nove escolas participam: Avelino da Paz Vieira, Auxiliadora da Instrução, Dos Andradas, Colégio Santista, Pedro II, Dr. Porchat de Assis, Gota de Leite, Mario de Almeida Alcântara e Barão do Rio Branco.
 
Entre outubro e novembro do ano passado, as unidades recolheram 400 litros de óleo de cozinha usado, ultrapassando a meta inicialmente prevista, que era de 300 litros.
 
O programa atende à Lei Federal 12.305/2010, que instituiu a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS) e criou a Logística Reversa (LR), que consiste na instalação e administração de pontos de entrega voluntária (PEVs) de resíduos como pilhas e baterias, eletroeletrônicos, remédios, pneus, lâmpadas e óleo de cozinha, entre outros.
 
Santos já tem PEVs de lâmpadas, pneus, remédios, pilhas e baterias, entre outros. Os endereços podem ser consultados na internet.
 
O PMANE em Santos é realizado pelo Instituto Auá de Empreendedorismo Socioambiental, em parceria com a Preserva Recicla e o apoio da Importação, Exportação e Indústria de Óleos S.A. Araucária (Imcopa).
 
 
FalaSantos